sábado, 14 de fevereiro de 2015

Frapuccino

17 DE MAIO

"Ela cruza sempre os braços da mesma maneira: pousa o esquerdo na mesa e depois faz o direito aterrar nele e tamborila os dedos para rematar. Olha para o relógio de parede ,desvia ligeiramente a cabeça e sorri ao empregado que lhe pousa o Frapuccino na mesa - ao que ela responde,ainda de cabeça inclinada e sorriso desenhado na face com um "obrigada"."

"Ele usa sempre aquele relógio,apesar de não dar horas (ainda há bocado vi que eram 16h35 e o relógio não passa das 12h).
Algo parece abalá-lo ou intrigá-lo: tem os cotovelos na mesa - o braço direito termina num punho cerrado,ao qual a mão esquerda dá cobertura; e os seus olhos fixam a mesa que tem o vidro protetor rachado,sempre que tenho coragem de olhar."

"Não vistas já o casaco.É hoje que vou falar contigo.Podias acabar o Frpuccino aqui.Qual a pressa?"

"Se,da próxima vez,ele estiver aqui eu falo com ele.Prometo."





6 DE JULHO

"Hoje,quando a vir,vou falar com ela.O que é aquilo na televisão?"

Última Hora
Acidente na Estação de Comboios mata 70 pessoas.O cenário é horrível aqui.Podem ver-se vários bens:sapatos,malas,pulseirsas... até um copo de Frapuccino.

Problema Filosófico


Afinal,quantas cores são as de uma rosa?Brancas,Amarelas,Vermelhas,às vezes Azuis.
Como podem,na vida,as coisas ser o que parecem,se nem a cor de uma rosa é sempre cor de rosa?